Conheça as trilhas acessíveis no sudeste do Brasil

O empresário Marcio Alario Esteves, acredita muito em programas de inclusão. Pensando na importância do coletivo, ele visitou o município de Niterói, na região metropolitana do Rio de Janeiro, que criou o EcoTur sem Barreiras, um novo projeto que permite com que pessoas de cadeiras de rodas ou com alguma dificuldade de locomoção possam fazer trilhas no Parque da Cidade, em São Francisco.

O passeio é gratuito e acontece duas vezes por mês, sempre aos domingos. Para isso, o caminho é percorrido com uma cadeira de rodas especial e adaptada, conduzida por voluntários e funcionários do parque. Os horários de saída costumam ser por volta das 8h da manhã e conta, inclusive, com guias bilíngues. Os grupos são formados de acordo com o nível de dificuldade de cada trilha, sempre obedecendo os limites da pessoa e respeitando os protocolos de combate a Covid.

Já em São Paulo, a maior capital do país, que está sempre disposta a dar mais oportunidade de inclusão às pessoas portadoras de quaisquer necessidades, projetou também trilhas para receber cadeirantes ou pessoas com mobilidade reduzida. Marcio Alario Esteves conta que um belo exemplo é a Trilha das Nascentes, localizada dentro do Jardim Botânico de São Paulo. O percurso é todo por uma plataforma de madeira fixa, com três pontos para descanso.

A Trilha Sensorial, inaugurada em 2018 em São Bernardo do Campo, é realizada em meio às árvores com a ajuda de uma plataforma suspensa de madeira sustentável, onde é possível alcançar um lago de águas cristalinas ao final do percurso. O Parque Ecológico Imigrantes é totalmente preparado para a acessibilidade, cheio de rampas de acesso, recursos eletrónicos, corrimões e bondinho com plano inclinado.

Se estiver na capital e quiser algo mais rápido e de simples acesso, Marcio Alario Esteves recomenda a Trilha Circuito das Árvores, localizada dentro do Parque Villa-Lobos. O trajeto é de 120 metros de extensão, percorridos em uma passarela de madeira com mais ou menos 3,5 metros de altura. O horário de funcionamento é de segunda a segunda, das 5h30 às 19h e o acesso é gratuito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui