Fernando Siqueira Carvalho te ajuda a escolher sua primeira moto

Antigamente o Brasil não tinha tantas opções de motos, hoje, porém, a vasta variedade faz gerar a dúvida de qual moto escolher para quem está começando. Fernando Siqueira Carvalho diz que o fundamental é se perguntar qual o uso da moto para depois então pensar no conforto, segurança e custo benefício. Confira algumas opções de entrada:

Cub ou Scooter: Um dos modelos mais vendidos do país, o veículo é equipado com câmbio automático tipo CVT, o que dispensa o uso da embreagem, ou seja, se usa apenas acelerador e freio. Além disso, possui bom design e flexibilidade no compacto, capaz de driblar ruas e avenidas congestionadas.

Street ou City: para quem trabalha com entrega, este é o modelo perfeito, pois tem baixo custo de manutenção e baixo consumo de combustível. O modelo conta com embreagem e marchas fáceis de pilotar, por isso é o modelo mais usado em moto escolas, explica Fernando Siqueira Carvalho. Suas rodas de aro 16 dão uma maior capacidade para pilotar em lugares com pavimentação ruim.

Então, recomendamos alguns modelos com o melhor custo benefício, para conciliar a utilidade, consumo de combustível como também uma boa desenvoltura.

Honda Pop 100: um modelo quase à prova de tombos.
Yamaha T115 Crypton: desempenho acima do esperado, nunca te deixa na mão.
Honda CG 125 Fan: um dos modelos mais usados no Nordeste.
Honda CRF 150F: perfeita para quem está começando a pilotar fora de estrada.

Fernando Siqueira Carvalho dá uma dica essencial para quem está começando: a maioria das concessionárias têm a opção de motos para teste, o que é perfeito para conhecer o veículo de verdade. Mas também, como sugestão final, sempre que possível, dê preferência para motos com freios ABS, pois investir em segurança é fundamental para um piloto iniciante.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui